Notícias

O jejum é uma disciplina espiritual que fortalece a nossa fé, faz-nos mais sensíveis ao mundo espiritual e nos ajuda na mortificação da nossa carne, com seus desejos e impulsos.

Em Mateus 6:17, Jesus mostra que há uma expectativa divina de que seus filhos se dediquem ao jejum e a Bíblia traz diversas orientações quanto à atitude correta: sem buscar atenção humana, dedicando-se à oração e busca a Deus, mantendo um coração humilde e uma postura de adoração ao Senhor. “Durante o jejum, estamos declarando que Ele é mais importante para nós do que qualquer necessidade ou prazer”, comenta o pastor Luciano Subirá.

Se você deseja começar a fazer jejuns ou está programando fazer jejum pela primeira vez, reunimos algumas dicas importantes:

1) Prepare-se para o jejum

Existem diversos tipos de jejum (leia mais sobre o que é o jejum aqui), mas o mais comum é passar o dia sem ingerir nenhum tipo de alimento.

Se você nunca fez nenhum jejum antes, pode começar retirando uma ou duas refeições do seu dia e, depois, passar 24 horas sem comer.

No dia do jejum, tome bastante água e saiba que é comum sentir alguns sintomas físicos, como dor de cabeça. Não precisa ficar assustado!

Se você pretende fazer jejuns mais prolongados (mais de um dia sem comer), prepare seu organismo. Alguns dias antes de começar, tire da dieta refrigerantes, alimentos industrializados e ricos em açúcar. Isso irá facilitar o processo de “limpeza” do organismo e irá diminuir os sintomas, como a dor de cabeça.

Além de retirar alguns alimentos, você deve incluir consumo de fibras e aumentar a ingestão de água. O carvão vegetal (vendido na farmácia) também ajuda a preparar o organismo, diminuindo significativamente os sintomas.

2) Saiba o que esperar do jejum

Se você tem alguma condição específica de saúde, não deve fazer jejum sem falar com seu médico. Porém, mesmo um indivíduo saudável pode ter sintomas como dores de cabeça e tontura.

Tenha mais cuidado com os movimentos, tome bastante água (se seu jejum não for total) e evite atividades físicas muito intensas.

Não se assuste também se você se sentir mais mau-humorado. Ao realizar um jejum, estamos confrontando diretamente a nossa carne e alma. Assim, tenha sabedoria no falar, controle suas emoções e aproveite para buscar ainda mais a manifestação do fruto do Espírito em você.

3) Dedique-se à oração e à leitura da Palavra

O tempo de jejum deve ser aproveitado para nos dedicarmos ainda mais à oração e leitura da Palavra de Deus. É claro, que isso não significa obrigatoriedade em se afastar das atividades normais da rotina. A maioria de nós precisa continuar no trabalho e nos estudos mesmo nos dias de jejum.

Porém, aproveite o período em que não está fazendo a refeição para intensificar sua busca ao Senhor. Além disso, mantenha-se conectado ao Espírito Santo continuamente.

4) Tenha atitude correta

Jesus disse para jejuarmos sem buscar a atenção dos homens para nós. Devemos evitar uma aparência abatida e triste, pelo contrário, devemos, durante o jejum expressarmos gratidão, alegria e adoração a Deus.

Além disso, devemos manifestar obras que glorifiquem o nome dele e ajudem pessoas (Isaías 58).

5) Relembre a razão do jejum

É muito comum que, durante o jejum, tenhamos vontade de parar ou desistir. Nesses momentos, lembre a si mesmo por que você está fazendo aquele jejum.

Além de mortificar a carne, afligir a alma, aumentar o seu domínio próprio, buscar alguma intervenção específica do Senhor, há algo ainda maior: no jejum, declaramos a Deus que Ele é mais importante do que todas as coisas que estamos deixando de comer ou beber.

Que o nosso coração transborde de amor a Ele em todo o tempo.

Jejum e oração na Alcance

A Alcance Curitiba realiza a semana de jejum e oração sempre nos primeiros dias de cada mês.

Nesse período, além de os membros serem incentivados à prática do jejum, a igreja também abre suas portas todos os dias (de segunda a sexta) para um período de oração: das 6h às 7h e também das 22h às 23h.

Comprometa-se, busque ao Senhor e participe!