Notícias

No último domingo a Alcance Curitiba recebeu o pastor Jonathan Wiggins.

Pastor Jonathan Wiggins fala sobre a cultura do compartilhar na vida do cristão e como generosidade estabelece o Reino dos Céus.

No último domingo, recebemos o pastor norte-americano Jonathan Wiggins em nossos cultos. Em sua mensagem sobre “compartilhar”, ele falou sobre como a generosidade estabelece o Reino de Deus.

Quando Jesus esteve na terra, ele tocou as pessoas que estavam doentes, oprimidas e necessitadas e, assim, mostrou a seus discípulos como o Reino dos Céus é tangível. Mais do que isso, instigou os apóstolos e todos os que o seguiam a compartilhar a mensagem, o arrependimento e os milagres que receberam. “Curem os enfermos, ressuscitem os mortos, purifiquem os leprosos, expulsem os demônios. Vocês receberam de graça; deem também de graça” Mateus 10:8.

O pastor passou por vários trechos bíblicos, reforçando que o Reino de Deus se baseia em generosidade. “Quando Deus libera algo para você, a única coisa que Ele pede é que você compartilhe com alguém. Existe parte que é para tocar a sua vida, porém há uma porção destinada a ser espalhada para quem está ao redor.”

Através do trecho de Lucas 12:15, Wiggins explicou sobre o fato de que não é possível que um cristão dominado pela ganância estabeleça o Reino de Deus. “Há dois reinos em combate. Todos os dias, você está construindo um e destruindo o outro. É impossível estabelecer os dois ao mesmo tempo.”

Eu ou Deus?

Os dois reinos em combate são o Reino dos Céus e o deste mundo. Neste, tudo é sobre mim e gira ao meu redor. Naquele, tudo é sobre Deus e eu sou apenas parte da história. “No Reino de Deus, Ele é o escritor, diretor, produtos e eu estou honrado em fazer parte deste enredo.”

E para fazer parte disso, é necessário compreender a cultura da generosidade, que se manifesta no amor, no perdão e no relacionamento com outros. Quando Deus é o centro, o amor e perdão recebidos Dele passam por nós e alcançam as pessoas a nosso redor, pois “de graça recebemos e de graça damos”.

E essa espiritualidade genuína que se manifesta no relacionamento com os outros leva à restauração de pessoas e à mudança da comunidade em que estamos inseridos.

Começar a praticar a generosidade (compartilhar amor, perdão, tempo, dinheiro) pode ser estranho para quem não está acostumado, mas a disciplina é necessária para tornar essa atitude um hábito.
Mais do que um hábito, a generosidade precisa de tornar uma cultura em sua casa, sua família e em sua comunidade. Isso porque uma cultura de generosidade atrai o Reino dos Céus, mas é hostil ao inimigo e repele a ação das trevas.

Jonathan Wiggins é pastor da Rez Church, que fica em Loveland, no Colorado.

Escute a mensagem completa.

Confira também as fotos do culto.